terça-feira, 5 de abril de 2016

A falência do Estado.

Nação Palestrina.

No último fim de semana, o maior clássico do futebol brasileiro, disputado no Pacaembu, mais uma vez, mostrou a superioridade alviverde na disputa.

Porém, o tema desta publicação é outro.

Novamente, um conflito entre as organizadas de Palmeiras e Corinthians acabou resultando na morte de outro torcedor.

Lamentável.

E, para "solucionar" o problema, a  Secretária de segurança Pública, a pedido do Ministério Público, decidiu que todos os clássicos Paulistas serão realizados com torcida única.

Essa decisão, é o reconhecimento que a segurança pública de São Paulo está falida e não tem condições de fazer a segurança não só dos torcedores paulistas, mas também, a segurança do cidadão paulistano.




Vale ressaltar, que a briga resultante na morte do torcedor foi realizada a quilometros do Pacaembu, o que não justifica tal decisão das autoridades paulistas.

Essa decisão, vai impedir que torcedores corintianos esperem torcedores palmeirenses nas ruas da capital paulista para brigarem quando o jogo for no Palestra Itália, e vice versa quando o jogo for em Itaquera ?

Evidente que não.

 Mais uma vez o promotor Paulo Castilho nos presenteia com toda a sua incompetência, a serviço da cidade de São Paulo.

Saudações Palestrinas.

Nenhum comentário: